PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA | Fonte: Assessoria de Comunicação do CFM

CFM participa da IV Reunião Ordinária de Ministros da Saúde dos países de língua portuguesa

reuniao_cplpO presidente do Conselho Federal de Medicina (CFM) e da Comunidade Médica de Língua Portuguesa (CMLP), Carlos Vital, participou na manhã desta quinta-feira (26), em Brasília, da IV Reunião Ordinária de Ministros da Saúde da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, teve como tema “CPLP e Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável”. Em sua fala, o presidente do CFM destacou a importância da cooperação internacional para melhorar a saúde da população dos países lusófonos. “Tenho certeza que ações conjuntas em saúde e educação médica são pontos fulcrais para a qualificação de recursos humanos, racionalização dos recursos disponíveis e nos processos de profilaxia e prevenção”, afirmou.

Durante a solenidade, ministros da saúde e embaixadores dos países de língua portuguesa assinaram várias resoluções, que têm o objetivo de melhorar a saúde da população dos países lusófonos. Entre as deliberações, foi criada a Rede de Banco de Leite Humano da CPLP e um grupo de trabalho permanente da CPLP em telemedicina e telessaúde. O secretário-geral do CFM, Henrique Silva, que também participou da Reunião, afirmou que o CFM “se dispõe a ajudar nos esforços da CPLP em ações de normatização, fiscalização e disciplina da prática médica.”

Analisando as propostas apresentadas, Carlos Vital acredita que o Brasil, pela ampla experiência que possui, pode ajudar na formação de recursos humanos para a formação da Rede de Banco de Leite Humano, já que cada país terá de ter seus próprios estoques. Quanto à telemedicina, o presidente do CFM argumenta que a entidade não abre mão da presença de um médico em cada uma das pontas, na realização do diagnóstico.

Estavam presentes representantes do Brasil, Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Guiné Equatorial, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor Leste. Outras resoluções aprovadas dizem respeito à criação de grupos de trabalho para debater a Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável e de uma rede de pontos focais para reestruturação da Rede e-português.

Tags :
Gostou ? Então deixe um comentário abaixo.

Clippings