CIDADANIA | Fonte: Assessoria de Comunicação do Cremepe

Cremepe cria Câmara Temática no Dia Mundial Contra o Trabalho Infantil

Funcionários do Cremepe vestem a camisa contra o trabalho infantil|Foto: Priscilla Fernandes

Funcionários do Cremepe vestem a camisa contra o trabalho infantil|Foto: Priscilla Fernandes

No Dia Mundial Contra o Trabalho Infantil, comemorado nesta sexta-feira (12), o Conselho Regional de Medicina de Pernambuco (Cremepe) criou a Câmara Temática de Acolhimento à Criança e Adolescente. O grupo, formado por 12 integrantes, irá discutir temas relacionados ao combate do trabalho infantil, desaparecimento de crianças e a proposta de redução da maioridade penal, entre outros.

“O nosso objetivo é alertar a sociedade sobre a importância desses temas, bem como estimular o engajamento de todos na busca por soluções”, disse o conselheiro e integrante da Câmara, Fernando Oliveira.

Funcionários do Cremepe, entre eles o presidente da entidade Sílvio Rodrigues, também vestiram a camisa para celebrar a data de hoje e chamaram a atenção para o problema do trabalho infantil.

DADOS – A Organização Internacional do Trabalho, OIT, afirmou que 168 milhões de crianças realizam trabalho infantil, das quais 120 milhões tem idades entre 5 e 14 anos e cerca de 5 milhões têm condições análogas à escravidão.

Sílvio Rodrigues, Presidente do Conselho e Fernando Oliveira, Coordenador da Câmara Temática |Foto: Priscilla Fernandes

Sílvio Rodrigues, Presidente do Conselho e Fernando Oliveira, Coordenador da Câmara Temática |Foto: Priscilla Fernandes

Segundo a agência da ONU, cerca de 75 milhões de jovens, entre 15 e 24 anos estão desempregados. Além disso, entre 20% e 30% das crianças em países de baixa renda abandonam a escola e entram no mercado de trabalho até os 15 anos.

Os dados estão no novo Relatório Mundial sobre Trabalho Infantil 2015 da OIT, preparado para o Dia Mundial Contra o Trabalho Infantil.

Gostou ? Então deixe um comentário abaixo.